Diploma Digital Certificado Pelo MEC

Saiba como funciona o Diploma Digital Certificado Pelo MEC que foi regulamentado conforme seu registro e emissão

O INEP terá um impactante resultado positivo, uma vez que todas instituições de Ensino Superior fazem parte do Sistema Federal de Ensino.

O Diploma Digital vai alcançar mais de 2,4 mil que compões o Nível Superior que terão todas as normas e os procedimentos para implantar o programa

O prazo já começou para que num período necessário todas elas já estejam emitindo o Diploma Digital aprovado e Certificado pelo MEC

Essas medidas fazem com que o aproveitamento se torne mais eficiente, dinâmico e eliminar toda a burocracia que hoje existe nas transferências virtuais ainda utilizadas

O Diploma Digital terá a mesma força e validade que os existentes em papeis significando mais de R$ 40.000 milhões de gastos que se tornam desnecessários

No modelo antigo, tudo era produzido em papeis e depois transferidos para o sistema, que além dos custos de materiais, ainda a mão de obra aumentando significativamente os custos operacionais

No novo Sistema, o Diploma Digital Certificado Pelo MEC, tudo já terá seu início, meio e fim de forma digital.

Tendo sua garantia e validade também com Assinatura Digital e em Ambiente Digital e Armazenamento Digital, assim como expressa o Portal do MEC:

A validade do documento é garantida por assinatura com certificação digital e carimbo de tempo na Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil), conforme os parâmetros do Padrão Brasileiro de Assinaturas Digitais.

O MEC vem renovando e inovando os meios e modos operante de fazer Educação e o Diploma Digital é uma destas inovações tecnológicas para todo o meio acadêmico

Assim, todo o processo vai se desburocratizando, tornando-se mais eficiente e com mais transparência e mais rapidez ao destino – beneficiando o aluno

diploma digital certificado

As Regras do Diploma Digital:

O processo de tornar o Diploma Digital válido na educação, não significa que o processo antigo deixa de valer ou de ser menor em sua originalidade e efeito

Nenhuma lei está sendo revogada, desconsiderada ou anulada, pelo contrário – apenas tornando o sistema mais eficiente e interativo

Todas as regras continuam as mesma e não haverá necessidade do aluno que já possui o seu Diploma não digital ser obrigado a fazer qualquer solicitação ou substituição

Porém, para a Instituição Educacional, bem como para o aluno, o novo sistema trará melhorias e rapidez

O Padrão do Diploma Digital:

A linguagem de codificação para se criar e manter o Diploma Digital está amparada em XML – Extensible Markup Language que tem uma capacidade inquestionável para guardar dados em sua estrutura

E ainda, com capacidade legitimamente reconhecida para tramitar (entrar e sair) dados com maior segurança e eficiência na rede mundial

Tudo isso, regulamentado e certificado pelo PBAD – Padrão Brasileiro de Assinatura Digital.

A Segurança do Diploma Digital:

Os termos garantidos pelo Padrão Brasileiro de Assinaturas Digitais, assegura a eficiência do Certificado e Carimbo Digital presumindo sua originalidade em realizações de transações seguras e confiáveis

O arquivo XML vai garantir a permanência inalterada da imagem representada não em papel, porém de forma visual correspondente ao Diploma Digital de forma fidedigna

Assim, a pessoa diplomada, poderá facilmente por meios de computadores e smartphones armazenar, exibir e compartilhar seu Diploma Digital

Fonte: http://portal.mec.gov.br/